Presencial
Em 2024, a 15ª edição do CBSoft será realizada presencialmente, de 30 de setembro a 04 de outubro de 2024 em Curitiba, Paraná.👉 Mapa

SBES 2024
XXXVIII Simpósio Brasileiro de Engenharia de Software

Chamada de Trabalhos - Trilha de Pesquisa

O Simpósio Brasileiro de Engenharia de Software (SBES), promovido anualmente pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC), é o principal evento de Engenharia de Software da América Latina. O SBES é realizado em conjunto com o Congresso Brasileiro de Software: Teoria e Prática (CBSoft). Em 2024, o principal tema do SBES é "Engenharia de Software Responsável". A Trilha de Pesquisa do SBES é a principal trilha do simpósio e publica contribuições sólidas que são rigorosamente avaliadas pelo comitê de programa considerando os critérios de originalidade, qualidade de apresentação e relevância do trabalho para o estado da arte na área de Engenharia de Software. Os anais do simpósio serão publicados na biblioteca digital da ACM em 2024.

Datas Importantes

Registro do artigo:2024-04-08 2024-04-12 2024-04-16
Submissão do artigo completo:2024-04-15 2024-04-19
Resposta dos autores (rebuttal):18 a 25 de junho de 2024
Envio de notificação aos autores:2024-07-05
Submissão da versão final:A ser definida

Tópicos de Interesse

Serão aceitas submissões relacionadas (mas não limitadas) aos seguintes tópicos:
  • Arquitetura de Software
  • Aspectos Econômicos, Humanos e Sociais da Engenharia de Software
  • Automatização de tarefas de Engenharia de Software com LLM e outros foundational models (por exemplo, modelos de visão)
  • Desenvolvimento de Aplicativos Móveis
  • Desenvolvimento de Sistemas Críticos
  • Desenvolvimento e Evolução de APIs
  • Design e Arquitetura de software assistido por IA
  • Detecção de Clones e Refactoring
  • Ecossistemas de Software
  • Engenharia de prompts para SE
  • Engenharia de Requisitos
  • Engenharia de Software baseada em Busca
  • Engenharia de Software Contínua
  • Engenharia de Software Distribuída e Colaborativa
  • Engenharia de Software e Ciência de Dados
  • Engenharia de Software Experimental
  • Engenharia de Software Orientada a Modelos
  • Engenharia de Software para Computação em Nuvem
  • Ética em Engenharia de Software
  • Gerência de Configuração
  • Gerência de Projetos de Software
  • Gestão de Dívida Técnica
  • Manutenção, Reengenharia e Evolução de Software
  • Mineração de Repositórios de Software
  • Orientação a Serviços e Microsserviços
  • Práticas de Ciência Aberta na Pesquisa em Engenharia de Software
  • Processos de Desenvolvimento de Software (Métodos Ágeis e outros)
  • Qualidade de Software (incluindo Privacidade e Segurança em Sistemas de Software)
  • Reuso de Software
  • Sistemas-de-Sistemas
  • Startups e Inovação em Software
  • Sustentabilidade de Software
  • Teste de Software
  • Validação e Verificação de Software
  • Variabilidade e Linha de Produto de Software
  • Visualização de Software

Políticas de Ciência Aberta

O SBES 2024 incentiva autores a adotarem princípios e práticas de Ciência Aberta, buscando promover a transparência, a replicabilidade e a reprodutibilidade na pesquisa. Encorajamos todos os autores contribuintes a divulgarem dados/artefatos (anonimizados e curados) para aumentar a reprodutibilidade e replicabilidade. Reconhecemos que a reprodutibilidade ou replicabilidade não é um objetivo em pesquisas qualitativas e que, assim como em estudos industriais, estudos qualitativos frequentemente enfrentam desafios ao compartilhar dados de pesquisa.
Nesse contexto, seguindo eventos internacionais da área, na submissão à trilha de pesquisa, requer-se dos autores que criem uma seção não-numerada intitulada "Disponibilidade de Artefatos" após a seção de "Conclusão" e:
  • disponibilizem seu artefato ao comitê de programa (via upload de material suplementar ou um link para um repositório anônimo) e forneçam instruções sobre como acessar esses dados no artigo; ou
  • incluam no artigo uma declaração explícita sobre por que isso não é possível ou desejável; e
  • indiquem por que não pretendem tornar seus dados ou materiais de estudo publicamente disponíveis após a aceitação, se for o caso. O entendimento padrão é que os dados e/ou outros artefatos estarão publicamente disponíveis após a aceitação de um artigo
O documento “SBES 2024 - Políticas de Ciência Aberta” apresenta princípios e práticas de Ciência Aberta para apoiar os autores da Trilha de Pesquisa do SBES. Durante a preparação do artigo, dúvidas podem ser encaminhadas para os Coordenadores de Ciência Aberta do SBES 2024, sem incorrer em quebra de anonimização do artigo.

Sobre o uso de IA (Inteligência Artificial) ou tecnologias assistidas por IA em trabalhos de pesquisa

Ao submeterem trabalhos ao SBES 2024, os autores reconhecem que estão em conformidade com a política de uso de IA Generativa, baseada nas políticas existentes propostas pela IEEE, ACM, e Springer.
É proibido:
  • Listar ferramentas e tecnologias de IA Generativa, como o ChatGPT, como autores de trabalhos.
  • Utilizar artigos ou seções integralmente produzidos por ferramentas de IA generativa.
É permitido (com menção explícita nos agradecimentos):
  • Utilizar ferramentas de IA generativa para criar partes do conteúdo, com menção nos agradecimentos do artigo indicando o que foi gerado e qual ferramenta foi utilizada. É importante verificar os termos de uso da ferramenta, ficando tal verificação sob responsabilidade dos autores do artigo. Por exemplo, nos agradecimentos: ChatGPT foi utilizado para gerar o primeiro parágrafo da Seção 3 e para gerar a Tabela 3.2.
É permitido (sem necessidade de menção):
  • Usar IA ou tecnologias assistidas por IA para melhorar a qualidade das imagens em relação ao contraste e clareza; e
  • Utilizar ferramentas de IA generativa para editar e melhorar a qualidade do seu texto existente (de forma semelhante a um assistente como o Grammarly para melhorar a ortografia, gramática, pontuação, clareza, engajamento).

Preparação e Submissão de Artigos

Os autores devem enviar trabalhos originais que não tenham sido publicados em outro lugar, nem que estejam sob revisão. Os artigos para a Trilha de Pesquisa do SBES 2024 podem ser escritos em português ou inglês, sendo que artigos em inglês proporcionam maior visibilidade internacional. Artigos escritos em português devem incluir resumo em inglês.
Os artigos devem ser submetidos no formato Adobe Portable Document Format (PDF) e seguir estritamente o formato ACM_SigConf de 2 colunas disponível em: https://www.acm.org/publications/proceedings-template. Usuários de LaTeX devem utilizar a classe acmart.cls fornecida no modelo, com o formato de conferência habilitado no preâmbulo do documento:
\documentclass[sigconf]{acmart}
O estilo de bibliografia fornecido no modelo ACM-Reference-Format.bst deve ser utilizado:
\bibliographystyle{ACM-Reference-Format}
Após a seção de Conclusão, deve-se incluir uma seção não-numerada denominada "Disponibilidade de Artefatos":
\section*{Disponibilidade de Artefatos}
Os artigos devem ter no máximo 10 páginas incluindo todas as figuras, tabelas e agradecimentos, e 2 páginas adicionais para referências bibliográficas. Os artigos devem ser registrados e submetidos por meio do sistema JEMS 3.
  • Registro do artigo: Deve-se informar o título, autores, resumo, tópicos de interesse e idioma do artigo.
  • Submissão do artigo completo: Deve-se submeter o arquivo em formato PDF contendo o artigo.
A publicação de artigos aceitos na Trilha de Pesquisa requer a inscrição de pelo menos um de seus autores no CBSoft 2024, bem como a apresentação do artigo durante o SBES 2024.

Anonimização

A Trilha de Pesquisa do SBES 2024 adota um processo de revisão duplo-anônimo (“double-anonymous”). Os artigos submetidos devem ocultar os nomes e afiliação dos autores. Além disso, as seguintes regras devem ser seguidas:
  • As citações a trabalhos relacionados dos próprios autores devem ser escritas em terceira pessoa. Por exemplo, deve-se escrever "o trabalho anterior de Silva et al." em oposição ao "em nosso trabalho anterior". Deve-se também evitar a ocorrência de termos que possam identificar os autores, por exemplo, "nós", "nosso", "financiamento", "Universidade", "github", etc.;
  • O artigo submetido não deve mencionar artefatos em repositórios ou websites que permitam a identificação dos autores. A disponibilização de artefatos da pesquisa deve ser feita de forma anônima. Para anonimizar repositórios hospedados na plataforma GitHub, sugere-se o uso do serviço anonymous (https://anonymous.4open.science/);
  • Se o artigo submetido apresentar uma evolução de um trabalho anterior, pode-se anonimizar a referência a esse trabalho. Por exemplo, "baseado no trabalho de Silva et al." pode ser substituído para "baseado em nosso trabalho anterior [Ref]" e a referência pode ser apresentada como "[Ref] referência omitida devido à revisão duplo-anônimo" na seção de referências bibliográficas;
  • Os revisores não serão encorajados a procurar referências que identifiquem os autores em outras fontes. Buscas em bibliotecas digitais ou artefatos existentes não invalidam as regras de duplo-anônimo.
Em caso de aceitação do artigo, as informações omitidas devem ser incluídas na versão final.
Dúvidas sobre a preparação de artigos segundo as regras de anonimização do SBES podem ser enviadas para os Coordenadores do Comitê de Programa.

Desclassificação de Artigos

Artigos fora do escopo da Trilha de Pesquisa do SBES 2024 ou que não estiverem em conformidade com o formato exigido e regras de anonimização serão desclassificados e rejeitados sem passar pelo processo de revisão.
Se uma submissão simultânea ou publicação prévia em outro fórum (evento ou periódico) de artigo submetido ao SBES for identificada e reportada a qualquer tempo, o artigo será rejeitado e os autores poderão ficar impedidos de submeter artigos nas próximas edições do SBES. Além disso, os organizadores do outro fórum serão comunicados sobre a ocorrência.

Revisão de Artigos

Os artigos que estiverem em conformidade com os critérios de submissão serão revisados por pelo menos três membros do Comitê de Programa, seguindo os seguintes critérios que são utilizados por conferências internacionais:
  • Novidade: Originalidade e inovação do artigo em relação ao estado da arte, incluindo abordagens, soluções, formulações de problemas, metodologias, teorias e/ou avaliações propostas.
  • Relevância: A importância das contribuições do artigo para o campo da engenharia de software.
  • Rigor: A solidez, clareza e profundidade de uma contribuição técnica ou teórica, assim como o nível de detalhamento e completude do método e da avaliação.
  • Verificabilidade e Transparência: A capacidade de entender, com base no artigo, como uma abordagem funciona; como os dados foram obtidos, analisados e interpretados; e como o artigo facilita a verificação ou replicação independente das contribuições reivindicadas. Inclui também a análise de pacotes de artefatos/replicação, quando fornecidos.
  • Apresentação: A qualidade da escrita do artigo, incluindo descrições claras e uso adequado dos idiomas inglês e português, ausência de ambiguidades, legibilidade de figuras e tabelas, e conformidade com as instruções de formatação.
Os revisores considerarão cuidadosamente todos os critérios acima durante o processo de revisão, e os autores devem abordá-los de forma clara e explícita no artigo. O artigo deve explicar e justificar as contribuições e como elas avançam o estado da arte.

Resposta dos Autores (Rebuttal)

Durante o processo de revisão, os autores terão a oportunidade de argumentar e responder às perguntas dos revisores antes da decisão final de aceitação/rejeição. A resposta dos autores deve ser um texto simples de até 5.000 caracteres (incluindo espaços). Dúvidas podem ser encaminhadas por email para os Coordenadores do Comitê de Programa.

NOVIDADE EM 2024: Decisões Antecipadas

Para reduzir o esforço dos autores e revisores com a escrita/leitura desnecessária de respostas dos autores, o SBES 2024 está introduzindo decisões antecipadas.
Se os revisores e os coordenadores decidirem que um artigo pode ser aceito em seu estado atual sem a necessidade de tirar dúvidas, os autores receberão uma decisão de "Aceito" no início do período de resposta do autor e não precisarão enviar uma resposta.
Por outro lado, se os revisores e os coordenadores entenderem que o artigo é altamente deficiente, levando-os a concluir que a resposta dos autores provavelmente não alterará a avaliação ou se o artigo necessitar de uma reformulação completa, os autores receberão uma decisão de "Rejeitado" no início do período de resposta e não serão solicitados a enviar uma resposta.
Todos os outros artigos receberão uma notificação de "Resposta Recomendada" no início do período de respostas do autor. De qualquer forma, como é costume, ainda cabe aos autores decidir se querem enviar uma resposta ou não.

Prêmio de Melhor Artigo

O Comitê Diretivo do SBES designará um comitê para premiar os melhores artigos da Trilha de Pesquisa do SBES 2024. Os artigos premiados serão anunciados durante o CBSoft. Os melhores artigos serão convidados para submeter uma versão estendida, em inglês, para o Journal of Software Engineering Research and Development (JSERD). O comitê se reserva no direito de escolher até 5 artigos para concorrer ao prêmio, assim como de não escolher nenhum artigo para receber o prêmio.

Prêmio de Melhor Revisor

A Trilha de Pesquisa do SBES reconhece a generosidade dos membros do Comitê de Programa que dedicam tempo e esforço para revisar os trabalhos submetidos. Um certificado de Revisor Destaque será concedido aos revisores que se destacarem dos seus pares em termos de pontualidade, aderência das revisões aos critérios de revisão da trilha, qualidade técnica das revisões e participação ativa nas discussões que envolvem o Comitê de Programa.

Submissão de Artigos Journal-First

Tradicionalmente, a Trilha de Pesquisa do SBES mantém parcerias com periódicos internacionais para divulgar artigos publicados nesses periódicos. Em 2024, o SBES estabeleceu parceria com sete periódicos: IEEE Software (IEEE SW), Journal of Software Engineering Research and Development (JSERD), Information and Software Technology (IST), Journal of Systems and Software (JSS), Empirical Software Engineering (EMSE), Software Quality Journal (SQJ), Journal of Software: Evolution and Process (JSEP).
Os seguintes critérios de avaliação serão adotados para a seleção de artigos submetidos como Journal-First:
  • O artigo descreve resultados originais que não são extensões de artigos anteriores publicados em conferências;
  • O artigo foi aceito para publicação a partir de 01 de Janeiro de 2023;
  • O artigo não foi aceito para apresentação em outra conferência na categoria Journal-First;
  • Serão consideradas submissões de artigos de pesquisa e revisões da literatura (revisões sistemáticas e mapeamentos sistemáticos) nos tópicos de interesse enumerados para a trilha de pesquisa do SBES 2024 e que foram revisados por pares.
A submissão de artigos na categoria Journal-First deve ser feita por e-mail endereçado aos coordenadores do Comitê de Programa da Trilha de Pesquisa do SBES 2024 (igor.steinmacher@nau.edu, sabrina.marczak@pucrs.br), com o assunto "Journal First - SBES 2024", até 14 de Agosto de 2024, informando: (i) título do artigo; (ii) nomes dos autores; (iii) DOI do artigo publicado no periódico, e; (iv) um documento contendo uma breve declaração sobre a relevância de apresentar o artigo durante o SBES 2024 e afirmando que a submissão atende aos critérios de avaliação indicados no CFP.
Os autores de artigos selecionados na categoria Journal-First serão convidados a apresentar seu trabalho em uma das seções técnicas do SBES 2024, visando promover discussões de sua pesquisa com a comunidade, além de enriquecer a programação do evento.
Pelo menos um dos autores dos artigos selecionados na categoria Journal-First deverá se registrar no CBSoft 2024 e apresentar o artigo durante o SBES 2024.

Organização

Coordenadores de Comitê de Programa - Trilha de Pesquisa
Igor Steinmacher - Northern Arizona University (NAU)
Sabrina Marczak - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
Comitê de Programa
Alessandro Garcia - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)
Aline Maria Malachini Miotto Amaral - Universidade Estadual de Maringá (UEM)
Allysson Allex Araújo - Universidade Federal do Cariri (UFCA)
Ana Carolina Oran Rocha - Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
Anderson Oliveira - Serviço Federal de Processamento de Dados (SERPRO)
Awdren Fontão - Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS)
Breno Bernard Nicolau de França - Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
Breno Miranda - Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Bruno Gadelha - Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
Carla Silva - Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Catarina Costa - Universidade Federal do Acre (UFAC)
Claudia Raibulet - Universita' degli Studi di Milano-Bicocca
Cláudio Sant'Anna - Universidade Federal da Bahia (UFBA)
Cleidson de Souza - Universidade Federal do Pará (UFPA)
Daniel Feitosa - University of Groningen
Daniel Luis Notari - Universidade de Caxias do Sul (UCS)
Davi Viana - Universidade Federal do Maranhão (UFMA)
Diego Elias Costa - Concordia University (Concordia University)
Edna Dias Canedo - Universidade de Brasília (UnB)
Edson de Oliveira Junior - Universidade Estadual de Maringá (UEM)
Elisa Yumi Nakagawa - Universidade de São Paulo (USP)
Everton Tavares Guimaraes - Pennsylvania State University
Fabiane B. Vavassori Benitti - Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
Fabiano Cutigi Ferrari - Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)
Felipe Curty do Rego Pinto - Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES)
Fernanda Madeiral - Vrije Universiteit Amsterdam
Genaína Nunes Rodrigues - Universidade de Brasília (UnB)
Gerson Sunyé - Nantes University
Gleison Santos - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)
Guilherme Avelino - Universidade Federal do Piaui (UFPI)
Guilherme Horta Travassos - Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
Gustavo Soares - Microsoft
Henry Muccini - University of L'Aquila
Igor Steinmacher - Northern Arizona University (NAU)
Igor Wiese - Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
Ivan Machado - Universidade Federal da Bahia (UFBA)
Jarbele Coutinho - Universidade Federal Rural do Simi-Árido (UFERSA)
João Eduardo Montandon - Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Joelma Choma - Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)
José Aldo - Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)
Juliana Saraiva - Universidade Federal da Paraíba (UFPB)
Karina Kohl - Uber
Katia Romero Felizardo - Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
Kecia Aline Marques Ferreira - Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG)
Kenji Tei - Tokyo Institute of Technology
Kiev Gama - Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Larissa Rocha Soares Bastos - Universidade do Estado da Bahia (UNEB)
Leonardo Gresta Paulino Murta - Universidade Federal Fluminense (UFF)
Leopoldo Teixeira - Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Leuson Da Silva - Polytechnique Montreal
Lincoln Rocha - Universidade Federal do Ceará (UFC)
Luciana Zaina - Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)
Mairieli Wessel - Radboud University
Manoel Gomes de Mendonça Neto - Universidade Federal da Bahia (UFBA)
Marcelo maia - Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
Márcia S. Lima - Universidade do Estado do Amazonas (UEA)
Marcio Barros - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)
Márcio Ribeiro - Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
Marco A. Gerosa - Northern Arizona University (NAU)
Marco Tulio Valente - Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Marcos Kalinowski - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)
Michel Albonico - Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
Michel S. Soares - Universidade Federal de Sergipe (UFS)
Michelle Carvalho - Instituto Federal Baiano (IF BAIANO)
Monalessa Barcellos - Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)
N. L. Vijaykumar - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Nabor Mendonça - Universidade de Fortaleza (Unifor)
Pablo Oliveira Antonino - Fraunhofer IESE
Paola Accioly - Universidade Federal do Cariri (UFCA)
Patrícia D. L. Machado - Universidade Federal de Campina Grande (UFCG)
Patrícia G. F. Matsubara - Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS)
Paulo Henrique Maia - Universidade Federal do Ceará (UFC)
Rafael de Mello - Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
Rafael Parizi - Instituto Federal Farroupilha (IFFar)
Rafael Prikladnicki - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
Rodrigo Andrade - Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (UFAPE)
Rodrigo Bonifácio - Universidade de Brasília (UnB)
Rodrigo Pereira dos Santos - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)
Rogério Eduardo Garcia - Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Rohit Gheyi - Universidade Federal de Campina Grande (UFCG)
Rossana Andrade - Universidade Federal do Ceará (UFC)
Sabrina Marczak - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
Sávio Freire - Instituto Federal do Ceará (IFCE)
Sergio Soares - Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Sheila Reinehr - Pontificia Universidade Católica do Paraná (PUCPR)
Silvia R. Vergilio - Universidade Federal do Paraná (UFPR)
Simone Amorim - Instituto Federal da Bahia (IFBA)
Tayana Conte - Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
Thaís Burity - Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (UFAPE)
Thatiane de Oliveira Rosa - Instituto Federal do Tocantins (IFTO)
Thelma Elita Colanzi - Universidade Estadual de Maringá (UEM)
Tiago Massoni - Universidade Federal de Campina Grande (UFCG)
Troy Kohwalter - Universidade Federal Fluminense (UFF)
Uirá Kulesza - Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
Valdemar Vicente Graciano-Neto - Universidade Federal de Goiás (UFG)
Valter Vieira de Camargo - Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)
Vander Alves - Universidade de Brasília (UnB)
Vinícius Cardoso Garcia - Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Vítor E. Silva Souza - Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)
Walter T. Nakamura - Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
Wesley K. G. Assunção - North Carolina State University